Autor Tópico: Esbats de Lua Negra  (Lida 674 vezes)

Aerin Nerissa

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 11
  • Live and Let Die
Esbats de Lua Negra
« Online: Julho 28, 2016, 12:31:38 am »
Esbats de Lua Negra

A Lua Negra ocorre nos três dias que antecedem a lua nova, sendo o seu ápice em uma dia antes da lua nova, antes do "Arco de Diana".

Pode-se encontrar o termo Lua Balsâmica para Lua Negra também.
 
Na lua negra, você trabalha os aspectos que estão ocultos em você. O que você nega, ignora ou não quer ver; quer questionar em si; quer mudar em âmbitos mais profundos, destruir e colocar algo construtivo no lugar. Trabalhos com a Sombra, Trabalhos de Autoconhecimento, Trabalhos de Purificação e de Reconsagração pessoais, Banimento, Maldições, Tabus, Preconceitos, Hábitos, Pensamentos e Vícios que sejam prejudiciais e queira baní-los para trazer Hábitos e Pensamentos construtivos, equilibrados, amadurecidos, harmônicos e coerentes.

Cuidado quando destruir ou banir algo da sua vida. A Magia não aceita "espaços vazios". Então, se banir algo da sua vida, traga algo novo, equilibrado, construtivo, harmonioso, amadurecido, coerente no lugar e no mesmo ritual que estiver realizando Banimento/Trazer algo.

Em esbats de lua negra se trabalha com Deusas da Magia, Transformadoras, As que desafiam, ou seja Desafiadoras. Estudem bem o mito da Deusa ou Deusas que forem celebrar em esbats no geral, mas em esbats de lua negra é recomendável conhecer a Deusa, seus mitos, sua egrégora, o que ela está relacionada antes de celebrar.

Ereshkigal, Hécate, Perséfone, Bloddeuwedd, Cerridwen, Arianrhod, Néftis, Eris, Calipso, Ran, Morrighan, Nyx, Baba Yaga, Nerthus, Afrodite na face Negra, Kali, Erínias, Medusa (face Negra da Deusa Athena), Mama Brigit, Morrighan, Inanna, Nêmesis e Lilith são alguns exemplos de deusas negras. Claro que todas as deusas têm a sua face negra e dá para celebrar com a deusa que desejar. Mas, têm deusas que no seu arquétipo há os conceitos de morte, renascimento, transformação, o que está oculto mais relacionados a elas. Lembrem-se que todas as deusas são "o grande diamante de infinitas faces", parafraseando a Naelyan Wyvern.

É importante invocar a deusa, deixando claro que está a invocando na sua face Negra.

Pode-se traçar em sentido anti-horário e destraçar em sentido horário.

Elevação de cone não é uma elevação de cone exatamente, mas o que chamamos de enterrar o cone. Ele é enviado para baixo, caso você faça algum feitiço em esbats de lua negra. É legal usar véus, caso os tenha.

Não há problemas em fazer a puxada da lua. Geralmente, as pessoas fazem a puxada da lua em esbats de lua cheia, mas em qualquer celebração de esbat, seja para a lua nova, para a lua crescente ou para a lua negra é possível se fazer.

Entende-se o termo "Puxada da Lua" aqui como o momento em que geralmente uma sacerdotisa levanta as suas mãos ao alto em forma de cálice para onde a lua estiver e se traz a energia da lua três vezes: para alimentar seu corpo; para energizar seus instrumentos e suas jóias mágicas e para alguma parte do corpo que necessita mais. Diferente do termo também denominado "Puxar a Lua" em que a sacerdotisa canaliza a Deusa, seja qual face tenha sido invocada.

No momento das despedidas, sempre envie o excesso de energia para algum foco quando estiver finalizando rituais, principalmente em esbats de lua negra. Não se esqueçam de enviar para a Terra, ou seja para a Direção Norte.

Esclarecendo que esbats de lua negra são para o crescimento pessoal ou para funções mágica descritas acima, mas não é para tornar a vida ruim ou destrutiva. Nada disto. E, nunca como justificativa de que a vida está ruim por causa de esbats de lua negra. Não vale nem tentar justificar.

Quer mudanças na sua vida ? então, "Viva e Deixe Morrer" - "Live and Let Die".

Aerin Nerissa
Sacerdotisa da Tradição Caminhos das Sombras

Aerin Nerissa
Sacerdotisa da Tradição Caminhos das Sombras