Dedicação na TCS

O ingresso em nossa Tradição dá-se apenas através do ritual de dedicação. Um postulante pode pedir dedicação a qualquer Sacerdotisa ou Sacerdote da TCS, caso este ou esta esteja em condições de dedicar, ele ou ela decidirá se aceita ou não o pedido.

O período mínimo de dedicação na TCS é de um ano e um dia. Não reconhecemos auto-iniciados ou iniciados de outras tradições, afinal, por maiores que sejam as experiências de uma pessoa, ela não conhecerá os caminhos de nossa Tradição até que os tenha percorrido.

Nosso período de dedicação é marcado por uma série de treinamentos visando o desenvolvimento mágico e pessoal do dedicado. Do ponto de vista mágico, nossos dedicados aprenderão os seguintes assuntos, entre outros:

  • História e crenças da bruxaria e Wicca;
  • Tradições da Wicca;
  • A Deusa e suas faces;
  • O Deus e suas faces;
  • Altares e ferramentas mágicas;
  • Celebrações de Esbats e Sabbats;
  • Leis da Magia;
  • Panteões de vários países e regiões;
  • Introdução ao Xamanismo e magia xamânica;
  • Introdução a Dragon Magick;
  • Introdução a Magia Kahuna, Cabalística, cerimonial e ritual;
  • Técnicas de adivinhação;
  • Introdução ao Tarot, Runas, Scrying;
  • Uso mágico de ervas, pedras, perfumes, incensos, metais, etc.;
  • Confecção e usos de poções, filtros, talismãs, óleos, etc.;
  • Estudos sobre os chakras e canais psíquicos;
  • Linhas de energia do planeta e seus usos.

Nossa tradição também dá ênfase ao treinamento mágico prático dos dedicados. Em nosso treinamento mágico, os dedicados farão exercícios e práticas de:

  • Técnicas de respiração, meditação, visualização e concentração;
  • Contato aprofundado com os elementos;
  • Técnicas de absorção, direcionamento e acúmulo de energia;
  • Usos dos instrumentos mágicos;
  • Defesa mágica e psíquica;
  • Ataque mágico e psíquico;
  • Identificação de ataques mágicos;
  • Desenvolvimento de habilidades psíquicas;
  • Magia temporal e climática;
  • Abertura de portais;
  • Manipulação de sonhos.

Mas a grande regra que diferencia um bom magista é conhecer-se e o trabalho de auto-conhecimento em nossa tradição é o centro do treinamento dos dedicados. Através de práticas e orientações, o dedicado será levado a conhecer sua essência e a fortalecê-la, buscando a integração com sua sombra.

Ao longo desses processos, o dedicado também vai aprender os métodos da TCS, nossas formas rituais e de celebração, vivendo a roda do ano conforme a entendemos.

Ao final deste período, caso seja de seu interesse, o dedicado poderá solicitar a iniciação e ser avaliado para tal.

Na TCS é feito um juramento iniciático de serviço aos Deuses e tal não deve ser feito levianamente. Também na iniciação é quando nos submetemos à Lei Tríplice e assumimos nosso compromisso com o Dogma da Arte.